News

O que precisa saber sobre Laje Pré Moldada

O que precisa saber sobre Laje Pré Moldada

O que precisa saber sobre Laje Pré Moldada

O que precisa saber sobre Laje Pré Moldada. Laje Pré Moldada é o elemento estrutural de uma edificação que tem uma das funções de transmitir as ações que nela chegam para as vigas (ou diretamente para os pilares no caso de lajes fungiformes) que a sustentam, e destas para os pilares, sendo elementos estruturais bidimensionais, caracterizadas por ter a espessura muito menor do que as outras duas dimensões e o carregamento que nelas atuam serem perpendiculares ao seu plano médio.

As lajes pré moldadas surgiram através de muita pesquisa em busca de vencer grandes vãos com a quantidade mínima de altura, mais fácil para ser montadas e muitos casos não precisando de escoramentos e formas. Isso só é possível com o trabalho geométrico bem definido onde se constitui de placas de lajes que ao serem submetidas a esforços de tração e compressão, diminuindo-se o seu peso próprio, podendo ser dimensionada com armação CA50 e CA60, cordoalhas de protensão e cabos de protensão.

O que precisa saber sobre Laje Pré Moldada

Fonte: Reprodução


Baud (1981), distingue dois tipos característicos de laje pré moldada, a base de concreto armado:

  1. a) lajes semi-pré-fabricada, nas quais o elemento resistente a tração é executado em fábricas e o concreto, que irá resistir a compressão e é lançado no próprio local;
  2. b) lajes completamente pré-fabricada, onde todo o elemento estrutural é confeccionado na indústria e colocado, posteriormente, na obra.

Cada um destes tipos têm características diferentes, as quais acarretam vantagens e desvantagens, que devem ser consideradas em cada caso em particular.

Segundo SOUZA (1988), “a grande maioria das tecnologias utilizadas na construção, constitui-se de processos e produtos convencionais, observando-se em algumas regiões do país a utilização de processos racionalizados e semi-industrializados” (Souza, 1988).


O conforto térmico

“Massa térmica” descreve o potencial de um material para armazenar energia térmica. É por vezes referido como “construção de condicionamento”, que é muito mais eficaz do que o ar-condicionado.

Materiais com massa térmica elevada tais como placas de concreto, pode ajudar a regular o conforto interior, agindo como um volante de temperatura e irradiando ou absorvendo o calor, elas criam um aquecimento ou efeito de resfriamento sobre o corpo humano.

Durabilidade

A alta energia incorporada no concreto pode ser compensada por sua permanência. Se o reforço é corretamente projetado e colocado, e se o concreto é colocado e compactado bem para que não haja espaços vazios ou áreas porosas, lajes de concreto pode ter uma expectativa de vida quase ilimitada.

Para garantir a longevidade da laje, possua um controle de rachaduras com:

  • Preparação adequada do concreto
  • Teor de água adequado: o excesso de água provoca rachaduras e enfraquece a laje
  • Colocação e compactação adequada

Resistência Cupim – Para a construção de risco mínimo de cupins, lajes de concreto devem ser concebidas e construídas de acordo com as normas dadas para ter mínima contração e rachaduras. Juntas, penetrações e a aresta da laje devem ser cuidadas.

A ventilação natural deve ser prevista no projeto, para permitir que o calor armazenado na laje dissipe nas noites de verão, especialmente para lajes em andares superiores, onde o ar quente acumula. Uma área fora do espaço superior garanta o espaço que pode ser ventilado naturalmente. Isto é particularmente importante se os quartos estão localizados no andar de cima, para manter um conforto para dormir.

Isolamento de bordo da laje em climas mais frios impede que calor escape através dos bordos da placa. Este isolamento precisa ser projetado para complementar e deve ser realizado em consulta com um engenheiro estrutural.

Acústica precisa ser considerada. Geralmente, lajes de concreto é uma ótima maneira de reduzir a transferência de música ou conversa, ruído de um nível de uma casa para outra, e entre os quartos no mesmo nível. Estes ruídos aéreos não são transmitidos através de uma laje, mas os ruídos de impacto são, por exemplo, sapatos de salto alto podem ser ouvidos na sala de abaixo. Uma barreira acústica pode ser incluído no teto para reduzir este tipo de ruído.


Assim, percebemos a vantagem da laje em uma construção e a importância em se atentar ao projeto da mesma.


Entre-em-contato

Comente

Your email address will not be published.

Eng Carlos
Olá! Peça seu orçamento ONLINE, ou fale conosco para tirar suas dúvidas!