News

Quais as atribuições de um Engenheiro Civil?

Quais as atribuições de um Engenheiro Civil?

Quais as atribuições de um Engenheiro Civil

Quais as atribuições de um Engenheiro Civil?

Você sabe quais as atribuições de um Engenheiro Civil? O Engenheiro Civil é o profissional responsável em elaborar um projeto, que poder ser residencial, comercial ou industrial. Ele tem contato direto com o cliente e analisa suas necessidades a partir de muita conversa e muita observação.

A partir da coleta das informações iniciais, o Engenheiro Civil inicia uma segunda avaliação: a área onde será executada a obra (o terreno onde será a construção, a casa que será reformada ou ampliada, o escritório que será modificado, a empresa que será ampliada, etc.).

O Engenheiro Civil não trabalha livremente, ele tem que estar em acordo com a legislação dos órgãos públicos, porque toda construção precisa ter autorização desses órgãos públicos. O principal é a Prefeitura Municipal, mas em alguns casos a obra também precisa ter licença da Vigilância Sanitária, do Corpo de Bombeiros (estabelecimentos de saúde, hospitais, clínicas, laboratórios, locais de reunião ou aglomeração de pessoas, academias, teatros, cinemas…) e CETESB. Para conseguir essa autorização dos órgãos públicos o Engenheiro Civil tem a obrigação de elaborar os projetos seguindo normas e leis. São ao legislações urbanísticas (federais, estaduais e municipais), sanitárias, de segurança contra incêndio e pânico, de meio ambiente, etc. Elaborar o projeto seguindo as necessidades do cliente e as exigências dos órgãos públicos é um trabalho bastante exaustivo porque são muitas leis a serem seguidas.

A formação do Engenheiro Civil possibilita atuação em várias áreas

O trabalho do Engenheiro Civil pode se iniciar já na escolha do terreno para a implantação do projeto, com parecer sobre localização, legislações, aspectos ambientais e topográficos, entre outras, que possibilitem analises preliminares de viabilidade do projeto.

A seguir, segue algumas etapa de montagem e aferição do projeto preliminar a ser desenvolvido, juntamente com o cliente, e o estudo da legislação incidente no terreno e na edificação.

Com esses dados e a definição do terreno inicia-se a fase do projeto, com as seguintes etapas:

  • Estudo Preliminar: estudo do problema para determinação da viabilidade de um projeto.
  • Anteprojeto ou Projeto Pré Executivo: solução geral do problema com a definição que será adotado, da concepção estrutural e das instalações em geral possibilitando clara compreensão da obra a ser executada.
  • Projeto Básico (opcional): solução intermediário do Projeto Executivo, que contém representação e informações técnicas da edificação que possibilitem uma avaliação de custo, já compatibilizadas com os projetos das demais atividades complementares.
  • Projeto de Prefeitura: solução definitiva do Anteprojeto, representada em plantas, cortes, elevações, especificações e memoriais de todos os pormenores de que se constitui a obra a ser executada, sempre em concordância com a legislação.
  • Projeto Executivo: o Projeto Executivo é a orientação geral dos cálculos complementares ao projeto arquitetônico tais como: calculo de estrutura, das instalações hidráulicas, elétricas e sanitárias, das instalações elétricas, telefônicas e de informática, caberão sempre ao Engenheiro o qual, a seu critério, poderá indicar outros profissionais legalmente habilitados para sua execução.
  • Fiscalização e/ou Gerenciamento: o engenheiro pode acompanhar a execução da obra através de várias maneiras: desde simplesmente como fiscalizador da execução, até ser responsável por todas etapas da execução, desde a compra do material, até a finalização da obra.

Engenheiro Civil também executa as atividades relacionadas a seguir

1. Planeja, organiza, executa e controla projetos na área da construção civil, realiza investigações e levantamentos técnicos, defini a metodologia de execução, desenvolve estudos ambientais, revisa e aprova projetos, especifica equipamentos, materiais e serviços.

2. Orça a obra, compões custos unitários de mão de obra, equipamentos, materiais e serviços, apropria custos específicos e gerais da obra.

3. Executa a obra de construção civil, controla cronograma físico e financeiro da obra, fiscaliza obras, supervisiona segurança e aspectos ambientais da obra.

4. Presta consultoria técnica, pericia projetos e obras (laudos e avaliações), avalia dados técnicos e operacionais, programa inspeção preventiva e corretiva e avalia relatórios de inspeção.

5. Controla a qualidade da obra, aceita ou rejeita materiais e serviços, identifica métodos e locais para instalação de instrumentos de controle de qualidade.

6. Elabora normas e documentação técnica, procedimentos e especificações técnicas, normas de avaliação de desempenho técnico e operacional, normas de ensaio de campo e de laboratório.

7. Participa de programa de treinamento, quando convocado.

8. Participa, conforme a política interna da instituição, de projetos, cursos, eventos, comissões, convênios e programas de ensino, pesquisa e extensão.

9. Elabora relatórios e laudos técnicos em sua área de especialidade;

10. Trabalha segundo normas técnicas de segurança, qualidade, produtividade, higiene e preservação ambiental.

11. Executa tarefas pertinentes à área de atuação, utilizando-se de equipamentos e programas de informática.

12. Executa outras tarefas compatíveis com as exigências para o exercício da função.

Detalhes de partes do projeto

O Engenheiro Civil também é o profissional responsável em detalhar algumas partes do projeto. A estrutura é a principal delas. A partir do projeto elaborado o Engenheiro Civil faz uma proposta para a execução da estrutura (localização e dimensões de pilares, vigas, lajes, fundação, e outros elementos relacionados a estrutura).

Além da estrutura, o Engenheiro Civil também detalha sistemas elétricos, rede hidrossanitária, e outros projetos complementares, seguindo o projeto arquitetônico.

Somente com projeto elaborado e autorizado pelo órgãos competentes a obra pode ser iniciada.

O Engenheiro Civil faz o acompanhamento da obra, muitas vezes é o Engenheiro que fica na obra, organizando a mão-de-obra, a divisão das tarefas, recebendo os materiais dos fornecedores, etc.

Uma obra bem executada depende do trabalho consciente do Engenheiro Civil.

Antes de construir veja quais atividades que você combinou com o Engenheiro Civil que será realizada em sua oba. Não construa sem contratar um Engenheiro Civil, pois como diz o ditado: “O Barato Pode Sair Muito Caro”.


Logo-Site

Comments (27)

  1. Erick
    nov 09, 2015 at 6:22 pm

    gostei muito de ler quais são as atribuições de um engenheiro civil

    • nov 09, 2015 at 10:04 pm

      Erick, que bom que você gostou, sempre faça uma visita em nosso site que sempre terá novidades.
      Eng Carlos

  2. Eng civil waldney
    nov 17, 2015 at 9:57 pm

    prezado colega os projetos de engenharia nunca serão “complementares” essa expressão deve ser banida do nosso meio pois é a forma pejorativa que os arquitetos tratam nossos projetos , Enalteça nossa profissão em teus artigos e deixe de bajular Arquitetos , pois eles não estão nen aí pra nós só querem nos explorar. Pensa nisso cara.

    • nov 18, 2015 at 10:47 am

      Waldney, certos caso até concordo com você, mas quando você vai fazer somente um projeto estrutural de um projeto arquitetônico de execução de um arquiteto, eu considero que este é um projeto complementar, também na nossa equipe temos todos os profissionais para a execução de qualquer projeto e é desta forma que trabalhamos.
      Eng Carlos.

  3. LEANDRO
    ago 04, 2016 at 6:59 pm

    Carlos, boa noite
    existe alguma restrição sobre a atribuição do engenheiro civil a respeito de executar instalações elétricas em uma construção? Ou depende do tamanho desta construção? Ou sobre o tipo de entrada de energia, se em média ou baixa tensão?

    • ago 04, 2016 at 9:35 pm

      Leandro, até onde sei os profissionais das áreas de Engenharia Civil e Arquitetura teriam atribuições para projeto, execução e correlatos, em projetos elétricos de baixa tensão, limitados às exigências das concessionárias públicas e da ANEEL em razão da potência instalada, limitada a no máximo 75 kVA.
      Eng Carlos.

  4. Down
    ago 25, 2016 at 1:00 pm

    Olá, seguindo o CONFEA e CREA os engenheiros civis não podem se responsabilizar, assinar, etc… nenhum tipo de instalação elétrica de acordo com a Resolução nº 218, exceto os eng. civis formados antes dela, que seria os formados em 1973 até 1983 acho , teria que olhar novamente e ou perguntando diretamente ao orgão responsável.

  5. Fabiano
    out 04, 2016 at 1:55 pm

    Parabéns pelas dicas Eng Carlos quem sabe escutar aprende bastante! Sugestão vc deveria fazer um blog forçando o crea e sindicato da classe a valorização da classe que está cada vez mais desvalorizada por falta de fiscalização!

    • out 04, 2016 at 2:14 pm

      Fabiano, esse é um assunto muito complexo, pois nossa classe não é unida, não quero dizer somente o nosso conselho, mas todos envolvidos. Teríamos que mudar nossa cultura, veja exemplo de um advogado, você procura e todos praticamente tem seus honorários tabelados, pois são unidos, veja também um caso de um médico, pois uma pessoa que precisa de uma operação tem que fazer e o mesmo não dá desconto.
      Na minha opinião que tinha que fazer isso seria FAEASP reunindo todas as associações para definir, pois o CREA não denife valores mínimos para os serviços
      Eng Carlos.

  6. Angelize B. Galvão
    out 20, 2016 at 1:03 pm

    Muito boa elucidação e muito importante.Gostaria de obter uma informação se assim for possível pois vocês podem já ter experiência e conhecimento sobre o caso que citarei a seguir.
    Um mini abatedouro de suinos ou frangos em funcionamento (abate de 8 a 10 cabeças por semana) e que faz tratamento de resíduos e efluentes onde o dono pretende se regularizar perante órgãos municipais, estaduais ou federais, terá a interdição do órgão ambiental estadual(CETESB) até que sejam emitidas as licenças ou poderá funcionar no paralelo dos trâmites?Há alguma análise e ou bom senso aliado pois no caso se abatem poucos animais por semana e ainda há lagoas de decantação /tratamento de efluentes?

    • out 21, 2016 at 10:13 pm

      Angelize, depois que der entrada no órgão competente, pode acontecer que no ato da vistoria esteja algo que não está dentro das normas e eles podem dar um prazo para regularização, e se não regularizar eles podem interditar o local.
      Eng Carlos.

  7. VICTOR CESAR GUIA MONTEIRO
    jan 06, 2017 at 10:35 pm

    Ola.

    Engenheiro Civil pode elaborar projeto de mini geração de energia solar?

    • VICTOR CESAR GUIA MONTEIRO
      jan 06, 2017 at 10:37 pm

      Carga menor que kw?

      • VICTOR CESAR GUIA MONTEIRO
        jan 06, 2017 at 10:39 pm

        20 kw

        • jan 07, 2017 at 10:15 am

          Victor, não sei te responder com certeza, até onde sei o Engenheiro Civil tem a atribuição para poder fazer fazer projetos elétricos até 75KVA, então eu acredito que poderia fazer sim.
          Eng Carlos.

  8. André Luiz
    mar 21, 2017 at 12:03 pm

    Gostei muito da lista de atribuições do Engenheiro Civil. Minha dúvida é se essas atribuições mudam de acordo com o estado? Depois da divisão CREA/CAO fica evidente que os arquitetos estão querendo se tornar os únicos a assinar os projetos. Na minha cidade até um tempo era comum ver Engenheiros responsáveis pelos projetos e obras e depois da divisão não vejo mais, apenas Arquitetos. Outra dúvida é que os Técnicos em Edificações que também possuem CREA podem assinar projetos até 120,00m². Essa informação é verdadeira?
    Desde já agradeço pelas informações colocadas aqui na página, sendo de grande utilidade.

    • André Luiz
      mar 21, 2017 at 12:26 pm

      corrigindo CREA/CAU

    • Eng Carlos
      Eng Carlos
      mar 21, 2017 at 12:39 pm

      André Luiz,
      De um modo geral as atribuições são iguais, pois seguem as orientações do CONFEA.
      Em relação aos projetos o que pode é colocar no cabeçalho que é projeto Arquitetônico, pois este tipo de projeto somente arquiteto pode executar.
      As atribuições profissionais dos Técnicos em Edificações são aquelas anotadas em sua carteira profissional, as quais podem ser dispostas pelas Resoluções nº 262/79 e nº 278/83, ambas do Confea e/ou Decreto Federal nº 90.922/85. Este último, em seu artigo 4º, parágrafo 1º, dispõe: “os Técnicos de 2º grau das áreas de Arquitetura e de Engenharia Civil, na modalidade Edificações, poderão projetar e dirigir edificações de até 80 m² de área construída, que não constituam conjuntos residenciais, bem como realizar reformas, desde que não impliquem em estruturas de concreto armado ou metálica, e exercer a atividade de desenhista de sua especialidade”
      Carlos

  9. Engº Natan Nunes
    jul 05, 2017 at 5:50 am

    Só fazendo uma ressalva: o engenheiro civil PODE SIM elaborar e assinar projeto arquitetônico. Sempre pode e sempre poderá.

    • Eng Carlos
      Eng Carlos
      jul 05, 2017 at 8:00 am

      Eng Natan, ok você está certo.
      Carlos

  10. Emiliano
    jul 31, 2017 at 6:37 pm

    Um engenheiro civil pode assinar ART de poço artesiano?

    • Eng Carlos
      Eng Carlos
      jul 31, 2017 at 7:46 pm

      Emiliano, respondi sua dúvida por e-mail.
      Carlos

  11. erick
    ago 08, 2017 at 3:28 pm

    O engenheiro Civil pode atuar como técnico em Secretaria Municipal de Meio Ambiente? Atuando na análise de processos, uso do solo e licenciamentos?

    • Eng Carlos
      Eng Carlos
      ago 08, 2017 at 7:18 pm

      Erick, eu acredito que não pode, pois seria uma atribuição do Engenheiro Ambiental, mas para ter certeza ligue no CREA do seu estado e tire esta dúvida.
      Carlos

  12. Pedro
    ago 18, 2017 at 4:39 pm

    Gostaria que me tirasse uma dúvida. O Engenheiro Civil pode ser responsável técnico por provedor de rede de internet/telefonia? Ou seja, ele tem a atribuição de assinar como responsável técnico de uma empresa de telecomunicações?

    • Eng Carlos
      Eng Carlos
      ago 18, 2017 at 6:11 pm

      Pedro, Eu acredito que não pode, e quem atribuições seria um Engenheiro Eletricista ou Telecomunicações. Você pode ligar no CREA do seu estado para tirar essa dúvida.
      Carlos

Comente

Your email address will not be published.